Vai começar a Quermesse de agosto!

postado por Cris / no comentários

Começa no próximo dia 1º de agosto a 42ª edição da quermesse do Templo Budista de Brasília, a primeira depois de o local ter sido designado oficialmente Patrimônio Histórico-Cultural da Capital Federal.

A festa, que originariamente é uma homenagem aos antepassados, terá como tema Paz, Amizade e Acolhimento. “A intenção é lembrar e festejar os 120 anos de relações entre Brasil e Japão, com oferecimento de gastronomia, estética, arte marcial, ritmo e dança típicos”, explicou o monge Shôjo Sato, responsável pelo templo.

“Queremos oferecer uma festa de alegria autentica e contagiante de que tanto estamos carentes. Para isso, introduziremos a apresentação de arte brasileira como chorinho, ciranda, capoeira”, acrescentou. A festa prosseguirá ao longo de todos os finais de semana de agosto.

O horário de realização da festa permanece entre 17h e 22h, e a entrada será a doação de um quilo de alimento não perecível (menos sal) ou R$ 5 (referente à meia entrada). O alimento arrecadado será distribuído a entidades que atendem à população carente no Distrito Federal. Em 2014, quando essa campanha também ocorreu, dez instituições receberam aproximadamente 25 toneladas de alimentos arrecadadas pelo templo.

A Quermesse do Templo Budista vai oferecer uma intensa programação cultural, com a apresentação de grupos de danças, lutas e músicas típicas do Japão, além de apresentações de taikô (tambor, em japonês). Também serão oferecidas oficinas de ikebana, origami, caligrafia, entre outras.

Outro ponto forte da quermesse é a culinária. Entre os pratos, serão oferecidos yakissoba, camarões empanados, gyoza, tempurá, sushi, temaki, banana caramelada, udon, yakitori e rolinho primavera. As opções de bebidas serão suco, refrigerante e água.

 SERVIÇO:

 QUERMESSE BUDISTA

Área externa do Templo Budista de Brasília (EQS 315/316).  Todos os sábados e domingos de agosto, das 17h às 22h. Entrada mediante a doação de um quilo de alimento não perecível ou pagamento de R$ 5 (referente à meia entrada). LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS.

 INFORMAÇÕES À IMPRENSA

Rodrigo Bittar 8422-8611

 

A origem da festa

A quermesse é uma adaptação brasileira do Urabon – também chamado Obon ou apenas Bon em japonês –, um costume budista japonês para homenagear os antepassados falecidos. A festa teve origem na palavra sânscrita “ullambana”, que significa “pendurar de cabeça para baixo”, numa metáfora de grande sofrimento.

A origem da cerimónia é descrita no Sutra Ullambana. Segundo o texto, Maudgalyayana, um discípulo de Buda, utilizou poderes sobrenaturais para observar a sua falecida mãe e descobriu que ela passava por sede e fome no Reino dos Fantasmas Famintos.

Maudgalyayana então ofereceu-lhe água e comida para aliviar o seu sofrimento, mas tudo foi transformado em fogo antes que ela pudesse recolher. Preocupado, o discípulo procurou ajuda de Buda sobre como libertar sua mãe daquela situação. Buda sugeriu que ele oferecesse dádivas aos monges budistas que participavam de retiro naquele período para que a mãe recebesse parte das oferendas.

Assim fez Maudgalyayana, seguindo as instruções de Buda, e sua mãe pôde receber alimentos e bebidas e ser libertada da dor de permanecer no Reino dos Fantasmas Famintos.